Dormir na casa do amigo? Deixar ou não deixar?

Qual momento certo para a criança dormir na casa do amigo.

Ontem postei sobre Como organizar uma festa do pijama, mas após fazer algumas anotações peguei-me pensando: qual o momento certo de deixar uma criança dormir na casa do amigo?
Confesso que Lucas nunca dormiu fora de casa sem minha presença e refletindo nesse assunto, cheguei a conclusão que ainda não deixaria ele ir dormir na casa de um amigo e hoje resolvi pesquisar sobre como saber se meu filho está preparado  se eu estou preparada para esse "grande" passo na maternidade.

dormir na casa do amigo

Não existe uma idade certa para esse momento de "pânico" (pelo menos para mim), mas um dia todas nós seremos abordadas por: Mamãe posso dormir na casa do amigo? Isso pode acontecer a qualquer momento, principalmente depois que entram na escola e as amizades crescem. (sentindo que esse momento já está para acontecer em 3,2,1)
Crianças que dormem sozinhas desde pequenas tem a maior facilidade para dormirem na casa do amigo e com certeza esse pedido virá bem mais cedo. O ato de dormir na casa do amigo é importante para autonomia dos pequenos, mas para muitas mamães pode ser totalmente desafiador. Separei algumas dicas para nós (estou incluindo-me).
  • Não pense que você é a única mãe do mundo que entre em pânico e não prega o olho quando seu filho resolve dormir fora de casa. Comece essa experiência com pessoas que você confia, como: avós, tios ou padrinhos.
  • A segurança com certeza é o principal motivo do "pânico" dos pais quando as noites estão ligadas a pessoas que não sejam da família, encontrei algumas coisas que precisamos analisar antes de tomamos uma decisão.
* Já conheço os pais dos amiguinhos?
* Terá adultos suficiente em casa para todas as necessidades das crianças (em caso de vários amiguinhos juntos)
* A casa do amiguinho possui áreas de risco: piscinas, varadas, janelas, rios, cachorros de grande porte.
* Se houver áreas de riscos todas as providências de segurança como grades e proteções estão tomadas.
* Haverá pessoas desconhecidas além da família do amiguinho no local?
* A casa do amiguinho fica próxima a sua casa? Será fácil chegar lá caso seu filho precise no meio da noite?
* Qual será a programação na noite? Certifique-se de que a família preocupa-se assim como você pela programação ou jogos que o filho irá ver na noite.
* Anote o telefone dos pais do amiguinho e não envergonhe-se se precisar ligar para certificar-se se está tudo bem.
  • A confiança na família que ficará responsável pelo seu filho naquela noite é a principal metida a ser estabelecida para o sim ou o não. 
  • Se você não sente confiança ainda procure conhecer a família do amiguinho, convidando a mãe para um passeio como: parque, praia, circo.
  • Comece experimentando uma tarde por exemplo, um fim de semana seu filho fica na casa do amiguinho e no próximo o amiguinho fica na sua casa.
Prepare-se que esse momento poderá chegar muito em breve. Se seu filho já dormiu na casa de amiguinho deixe aqui nos comentários como foi essa experiência. 





22 Comentários:

  1. Já parei para pensar sobre isso, até porque a geração da minha filha é diferente da minha e a tendência é cada vez mais, ir mudando. Na minha época, só dormi na casa de alguma amiga, por volta da adolescência e, claro, com alguns critérios de ambas famílias rsrsrs.
    Por aqui, ainda não sei quando permitiremos, ainda não passamos por essa experiência com ela, mas se a família da (o) coleguinha tiver o perfil bem parecido com o nosso, digo preferências parecidas, valores, cuidados e etc., vai ser mais fácil a permissão. Mas dá até um friozinho em pensar nisso, hein?! rsrsrsrs
    Bjos,
    Larissa Andrade.

    http://maternidadeecotidiano.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. É difícil, a primeira vez que a Ingrid dormiu fora de casa foi na casa de uma amiguinha (melhor amiga dela até hoje) quando ela tinha por volta de 7 anos. Eu deixei porque a mãe da menina (que também é minha amiga) tem os mesmos cuidados que eu teria, sabe aquela pessoa que você confia? Mas mesmo assim é complicado, conversei bastante com a Ingrid
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Jamilly eu ainda tenho receio de deixar meus filhos irem na casa de desconhecidos, ainda mais no mundo de hoje, já deixei dormirem fora, mas só em lugares que conhecia, mas mesmo assim, ficava com o coração na mão....
    Não é fácil ser mãe néh?
    O post está ótimo !
    Beijocas

    Momento Quality

    ResponderExcluir
  4. Minha baby está com 1 ano e 4 meses, ainda tempo um bommmmm tempo pela frente antes de me preocupar com isso... ehehehe
    Mas gostei das dicas.

    Bjs,
    SouMãe.org

    ResponderExcluir
  5. Engraçado...outro dia estava pensando sobre isso, se deixaria ou nao, e também com que idade deixar dormir na casa de uma amiguinha....
    Adorei o post!
    Um grande abraço!
    www.pipocasemaquarela.com

    ResponderExcluir
  6. Ainn Jamilly... que judiação né?
    Eu super entendo... mas quando era criança minha mãe não deixava não.
    Só na casa dos tios e olhe lá.
    Mas é uma decisão complicada né?

    Um beijo
    CS
    http://blogcarensales.com.br/

    ResponderExcluir
  7. não tenho coragem de deixar maninha dormir na casa de ninguém haha
    minha mãe é mais largada com isso, mas eu como sou um "pai" pra ela não deixo!

    beijo
    adoletas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi Jamilly!
    Adorei o post e lembro que na minha época, só fui dormir na casa das amiguinhas quando já era maiorzinha.. sei lá, acho que com uns 11, 12 anos...
    Imagino que seja muito difícil decidir, né?

    Beijos

    Nessa Luzardo
    www.espacosemprebella.blogspot.com
    @blogespacosemprebella

    ResponderExcluir
  9. Eu acho que se as pessoas forem conhecidas e de confiança será ótima para a criança ficar um pouco mais independente, lógico que também depende da idade... bjs!
    Rosangela,
    Feminices e Afins

    ResponderExcluir
  10. Amiga aqui já vivo esse dilema, a Isa me pediu pra dormir na casa de uma amiga
    E é claro que não deixei rsrs não me sinto confortável com essa situação e não sei se algum dia deixarei, mesmo porque acho que não tem essa "necessidade". è claro que se algum dia precisar deixarei, mais se realmente for necessário. As amigas dela já dormiram aqui eu acho estranho pelo fato de a maioria das mães não me conhecerem e se quer telefonarem para saber se a filha esta realmente aqui. Mais cada mãe sabe do seu filho, ne!
    Na casa da minha mãe e da madrinha deixo e só
    Adorei o tema de hoje
    Beijos
    Inspiração Materna

    ResponderExcluir
  11. Olá.

    Dá um aperto no coração mesmo, mas é preciso permitir que os pequenos cresçam e vivam as suas próprias aventuras.
    O Flavio já participou de um acantonamento na escola e se divertiu muito (http://www.maesemfrescura.net/2014/10/que-tal-acantonamento-hora-da-aventura.html).

    Bjs, Pri
    Mãe Sem Frescura
    www.maesemfrescura.net

    ResponderExcluir
  12. Estou longe dessa fase ainda, mas se for um amigo de confiança né, acho que tudo depende da amizade dos pais, das crianças...bjo

    ResponderExcluir
  13. Muito bom o poster, super ajudas as mamães que ainda, tem edo, ou não sabem
    se ja esta na hora, ou o que fazer .
    bjos

    ResponderExcluir
  14. Belo post .. a Luma já começou a tocar neste assunto . .tenho visto com duas amigas que confio sobre a possibilidade ... vamos ver ... mas e o frio na barriga? hehehe

    ✿*´¨)*
    ¸.•*¸.• ✿´¨).• ✿¨)
    (¸.•´*(¸.•´ Roberta Aquino
    Tal Mãe, Tal Filha Blog

    ResponderExcluir
  15. aqui já passei por esse momento e confesso que não fiquei muito preocupada pois conhecia bem a familia da coleguinha, mas realmente há uma preocupação quando não conhecemos as pessoas e os lugares, mas quanto mais crescem mais isso se torna comum, bjs
    Carlah Ventura - Intensa Vida

    ResponderExcluir
  16. Já fiquei com medo desse momento......=0

    ResponderExcluir
  17. Amiga ainda não cheguei nessa fase mas sei que vou ter que passar por isso. Ser mãe é ficar atenta a cada fase do desenvolvimento e participar. Amei o seu post e agradeço por compartilhar com outras mamães!

    beijos

    ResponderExcluir
  18. Olha minha mãe nunca deixou nem sei o que é isso, não sei se vou deixar também ahh é dificil kk

    Beijos
    Geri Ferreira
    www.encantodemeninablog.com

    ResponderExcluir
  19. Tem que conhecer os pais. Sem duvida. Nem quero ver quando essa historia comecar comigo.

    Bjos
    Mari Visconti
    www.clubedafraldinha.com

    ResponderExcluir
  20. Se você conhece a família e a rotina do amigo eu não vejo problema algum.
    Mas se não conheço eu não deixo, rs

    beijocas

    ResponderExcluir
  21. Amiga não deixaria a Dri ir, a não ser quando fosse maiorzinha uma pré adolescente e com certeza somente conhecendo os pais das crianças muito bem...

    Ótimo post!
    Um beijo

    http://www.amaedadri.com/

    ResponderExcluir
  22. Tenho uma filha de de onze anos eu não permito que durma na casa de ninguém a não ser de familiares e medo assim com desconfiança pois a grande maioria dos ser humano são podres e muita violência vc deixa seus filhos achando que tá tudo bem sua filha volta estrupada não devemos confiar em ninguém

    ResponderExcluir

Amo quando você comenta! Sua opinião é muito importante e cada comentário muito especial!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...