Vacina de dois meses- entenda!

Reação, choro e proteção.



Como toda mãe, minha vontade é tomar as vacinas no lugar do bebê e passar para ele via leite materno, pode ser? infelizmente não. Essa semana o Samuel foi enfim tomar suas vacinas de dois meses, atrasadas devido a gripe que ele teve. Juro que não lembrava a judiação dessa vacina,  foram 4, sendo uma na boca e três injeções na coxa. 

Quais as vacinas dos dois meses?


Na rede pública de saúde são: pentavalente, pólio inativa, rotavírus monovalente e pneumocócica conjugada 10. 

* Pentavalente: Primeira dose, contra difteria, tétano, coqueluche, infecções provocadas pela bactéria Haemophilus influenzae tipo b (como meningite, pneumonia e outras) e segunda dose contra a hepatite B. A vacina é aplicada na coxa.

* Polo inativada: Primeira dose. Previne a poliomielite, ou paralisia infantil. A vacina dada gratuitamente nos postos de saúde substituiu a versão oral (VOP, ou Sabin), a da gotinha. A vacina é aplicada na coxa.

* Rotavírus: Primeira dose, Evita infecções pelo rotavírus que causa vômito e diarreia, podendo levar a desidratação. A vacina é gotinha.

* Pneumocócica conjugada 10: Primeira dose. Evita alguns tipo de pneumonia , meningites e outras doenças causadas pela bactéria pneumococo. A vacina é aplicada na coxa.

Rotavírus- cuidados especias.


Samuel recebeu as vacinas dos dois meses gratuitamente no posto de saúde, após receber a vacina rotavírus a enfermeira me deu diversas orientações, essas já sabia da época do meu primeiro filho. 
Após o bebê receber essa vacina é extremamente necessário que a fralda seja descartada imediatamente, sendo colocada em um saco plástico bem fechado e preferencialmente fora de casa. A mãe precisa ter cuidado em não manter contato com o cocô ( se seu bebê te faz aquelas surpresas na troca já tenha cuidado com isso) e lavar as mãos com sabão imediatamente, isso tudo pois o vírus fica ativo nas fezes e pode haver risco de contaminação por até 20 dias. 
Estou seguindo as orientações da enfermeira certinho e não estamos tendo problemas, Samuel ficou com o cocô meio molinho por uns dois dias.
Vale lembrar que essas vacinas são todas oferecidas na rede pública de saúde, como também na rede particular, nesta as vacinas são mais "completas" pois oferecem mais proteção contra outros tipos de vírus. 

Sobre as vacinas no Samuel.


Samuel teve reação, sim, infelizmente. No mesmo dia ele ficou molinho, febril, irritado e manhoso, chorava sempre que esticava a perninha e foi aquele sufoco, não tinha posição para ele ficar. A pediatra recomendou um banho para relaxar, compressa com paninho úmido gelado (nada de gelo) e antitérmico.  Não deixe de pedir orientação ao pediatra da criança! 
No outro dia ele já estava bem, acordou feliz e bem humorado e não deu mais febre e não reclamava mais quando fazia força na perninha. A enfermeira disse que poderia a coxinha ficar roxa ou vermelha e até quente, mas por aqui não aconteceu.

Reforço.


Para o desespero das mamães, essas vacinas do 2º mês são repetidas no 4º mês. Então vale lembrar dessas dicas.







7 Comentários:

  1. Nossa não sabia desses cuidados com a vacina rotavírus, meu Deus, não fiz nada disso por aqui, que sorte não termos propagado o vírus...

    www.reinomae.com

    ResponderExcluir
  2. Lembro de quando Rafa tomou essas vacinas ele qse não chorou, me senti aliviada. Meia hora depois ele chorou tanto e eu chorei junto pois como mãe de primeira viagem não sabia o que fazer.
    Bjcas
    www.estou-crescendo.com

    ResponderExcluir
  3. É difícil mesmo... aqui com a Júlia foi bem tranquilo ela não chorava nem na hora da picada, já a Sofia sempre ficava mais chorosa mas nunca teve nenhuma reação.
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Não sabia do cocô!!! Aqui sempre têm reações...
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Nossa, essa época de vacinação é uma judiação. a Jú nunca tinha reação, mas ficava bem chorona, só na de 6 meses que teve uma reação brava. e quanto aos cuidados, eu não sabia dessas medidas, muit bom saber!

    ResponderExcluir
  6. A hora das vacinas são sempre difíceis, ainda mais no começo que temos que levá-los sempre.
    Quando a Dri recebeu a vacina do rotavírus, recebi todas essas indicações e também não tive problemas...
    No 6º mês da Dri, ela teve reação com a tetravalente, eu fiquei super nervosa sem saber ao certo como agir, ela teve febre altíssima, delirou e passamos a madrugada no hospital com ela em observação.

    Ótimo post!
    Bjos
    http://www.maternizando.com/

    ResponderExcluir
  7. Eu sempre odiei dia de vacina, a Emilly sempre teve reação, mas é necessário, eles sofrem um pouco para evitar um mal maior!! Benditas sejam essas vacinas!

    ResponderExcluir

Amo quando você comenta! Sua opinião é muito importante e cada comentário muito especial!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...