Afinal, para que ter um blog materno?




Começo comemorando, no último dia 23 de outubro o blog completou 8 anos de existência. Passei por momentos bem difíceis e desanimadores que por muitas vezes quase me fizeram parar. Por alguns meses simplesmente deixei de lado, pensei em desistir, pensei em privatizar, tirar do ar e tantas outras coisas.

Sempre que pensei em desistir desse espaço, mesmo sem escrever, procurava lembrar de o porquê comecei. Lembro bem que já era tarde da noite quando resolvi criar esse blog. Sentia-me sozinha, sem amigas mães, cheias de dúvidas e também com muita vontade de registrar a minha doce experiência com a maternidade.

Anos foram passando o blog passou por várias mudanças estruturais, ele deixou de ser um simples diário pessoal para ser algo mais informativo, com conteúdo relevante para mães de primeiras e muitas viagens. 

Mesmo nos períodos que fiquei sem escrever, volta e meia acessava para aprovar os comentários e também ver as estatísticas de visualizações e esse era sempre um dos motivos para eu deixar como está. 

Saber que através das minhas postagens várias mães poderam se sentir seguras, aparadas, abraçadas e informadas é muito gratificante. 

Por diversas vezes recebi comentários e e-mails de agradecimento pelas postagens e isso só me motiva.

Aqui tem registrado grande parte do que sou como mãe, tem momentos felizes, tristes, de dúvidas e de certezas também. 

Não tenho planos para o futuro distante para esse espaço, mas ele continuará por aqui enquanto tiver quem leia.

Quando iniciei anos atrás fiz muitas amizades na blogosfera materna, amizades essas que muitas carrego em meu coração. Muitos blogs queridos foram ficando para atrás, muitos desapareceram no caminho e eu vou ficando por aqui com a certeza que posso até demorar voltar, mas voltarei. 

Jamilly LIma

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários são sempre bem vindos. Só respeite o próximo!

Instagram